A OMS (Organização Mundial da Saúde) classificou essa semana o novo Coronavírus (COVID-19) como uma pandemia. O motivo de preocupação é real, pois a doença já está espalhada por diversos continentes com transmissão sustentada entre as pessoas, inclusive no Brasil, capital e interior paulista.

 

Porém, algumas medidas são imprescindíveis para a prevenção da doença, que é transmitida por meio de fluídos corporais (gotículas) e causa infecções respiratórias. Para isso, sempre que estiver em ambiente público, lembre-se de:

 

* Lavar as mãos com água e sabão várias vezes ao dia;
* Limpar as mãos com álcool em gel antes e depois de cumprimentar pessoas;
* Cobrir o nariz e boca ao espirrar ou tossir (de preferência com o antebraço);
* Evitar aglomerações se estiver doente;
* Manter os ambientes bem ventilados;
* Jamais compartilhar objetos pessoais como talheres, copos, maquiagem, toalhas, escovas de dente, dentre outros.

 

Sintomas

 

Os sintomas são muito parecidos com a gripe, entretanto, mais perigoso, letal e ainda não existe vacina. Portanto, todo cuidado não é exagero, sobretudo, às pessoas que já são mais suscetíveis, como crianças, idosos, hipertensos, cardíacos, diabéticos e asmáticos. Caso sinta febre, tosse seca, congestão nasal, coriza, diarreia e dores no corpo, procure atendimento nas UBS (Unidade Básica de Saúde) e ESF (Estratégia Saúde da Família) . Em casos mais graves, o paciente é encaminhado ao Hospital Regional (HR).

 

Fake News

Fique de olho nas Fake News (notícias falsas) que circulam nas redes sociais e aplicativos de mensagem. Por via das dúvidas, não compartilhe. Busque informações apenas em veículos da imprensa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *